MARIPHASA

Sinopse

Paulo trabalha como segurança noturno num desactivado complexo industrial. Perdeu a filha em circunstâncias dramáticas e nenhum arrependimento lhe serviria de consolo. Dorme em casa de Luísa e aí testemunha as repetidas transgressões de um vizinho instável. Tudo ameaça estalar.

Bio-filmografia do realizador

Nasceu em 1974. Em 1997 conclui o curso de Cinema na área de Montagem da Escola Superior de Teatro e Cinema. Em 1998 fundou a produtora O Som e a Fúria. Os seus filmes ganharam prémios em festivais como La Biennale di Venezia, Locarno FF, Gijón, Oberhausen, Vila do Conde, Indielisboa, Montreal e foram exibidos nos principais festivais de cinema mundiais. Foi por duas vezes nomeado para melhor curta metragem nos EFA (premios europeus de Cinema). Sandro Aguilar foi alvo de retrospectivas no BAFICI, Roterdam FF, New York FF (Views from the Avant-Garde), Arsenal-Berlim e Oberhausen. Em 2013 foi convidado a integrar o reputado programa DAAD – Artist in Residence, Berlim.

MARIPHASA [2017] UNDISCLOSED RECIPENTS [2015] BUNKER [2015] FALSE TWINS [2014] JEWELS [2013] DIVE: APPROACH AND EXIT [2013] SINAIS DE SERENIDADE POR COISAS SEM SENTIDO [2012] MERCÚRIO [2010] VOODOO [2010] A ZONA [2008] ARQUIVO [2007] A SERPENTE [2005] REMAINS [2002] CORPO E MEIO [2001] SEM MOVIMENTO [2000] ESTOU PERTO [1998]

Ficha artística

António Júlio Duarte Albano Jerónimo Isabel Abreu João Pedro Bénard Eduardo Aguilar Cláudia Éfe Luísa Cruz Gonçalo Waddington

Ficha técnica

argumento, realização e montagem Sandro Aguilar 1º assistente de realização Paulo Guilherme fotografia Rui Xavier som Miguel Moraes Cabral direcção de arte Nádia Henriques assistente de arte Maria Ribeiro guarda-roupa Margarida Ruas caracterização, maquilhagem e cabelos Olga José mistura Tiago Matos correcção de cor Paulo Américo direcção de produção Isabel Silva produtores Luís Urbano, Sandro Aguilar

DCP | 2.39:1 | 5.1 | Cor | 86’

© O SOM E A FÚRIA, 2017